Aroni – Osaniy – Ògún São orixá que tem muito haver com ao caminhar da humanidade.

Aroni – Osaniy – Ògún
São orixá que tem muito haver com ao caminhar da humanidade. Conforme vamos ver e 3 deles têm filhos e rodam na cabeça dos seus filhos. A primeira é a orixá Otin, cujas as cores são o azul turquesa e o verde. Esse orixá rege as minas d’águas ou olho d’água e também aquilo que coletamos na natureza. Lembra do inicio quando éramos coletores e acabava os recursos naturais numa região mudávamos para outra, tem a ver com essa orixá. Orixá Oxóssi ela é responsável pelos animais domésticos que vivem conosco, cães, gatos etc e foi ela quem fez o primeiro carrego fúnebre, usa as mesma cor dos Odés, que é o azul turquesa.
Orixá Ogue esse não pega a cabeça de ninguém e não tem filhos. Orixá Ogue é que ensinou os homens a domesticar certos animais no sentido de usarmos a força deles, tipo Bois, cavalos, camelos, dromedários etc. usa as cores vermelha e branco sendo duas contas de cada, ele é muito ligado ao orixá Okô.
Orixá Okô é o orixá da agricultura que ensinou os homens a cultivar o que serviria de alimento e remédios. Okô usava ferramentas de madeira no sua roça, Ogun as vez de ferro, por isso ele tem as ferramentas penduradas e adora mel e tem ligação com as abelhas ele é apicultor também.
Orixá Odé são os caçadores a fartura da carne chamada de eran, os Odé tem quizila com mel. O milho que se da aos Odés nada tem a ver com eles o milho é do orixá Okô. Mais se misturou os cultos. Todo os tipos de caça têm haver com Odés. E por extensão a pesca, embora seja dada Logun Edé. Osaniy é a erva que nasce no mato e tem como ajudante o baixinho Aroni, que tem umas das pernas atrofiadas.