Alexandre de Exu


Capeteiros e Marmoteiros.

São pessoas que como os que iniciaram o candomblé após a disporá africana, apenas baseados nos cultos africanos e aqui no Brasil se inventaram uma forma de dar continuidade. Mais de forma completamente diferente do que era praticado na África. Então essas pessoas são também Capeteiros e Marmoteiros.

Pois inventaram uma abominação perante aos cultos que existiam em terras africanas. Onde cada santo era cultuado somente um na sua aldeia, não existe carrego, não existe segundo santo. E muito menos virar dois santos iguais na mesma hora. Mais aqui existe.

Aqui vemos voduns, Eledás e Nkises não mesmo espaço religioso, o que não acontece lá. Então todos nós aqui somos Capeteiros e Marmoteiros.

Alguns babalorixás e yialorixás, são iniciados em Ifá, o que é criticado por muitos uns dizem que são apenas de Lesse-orixá e não aceitam Ifá. Mais na África a comunidade participava de tudo, pois seja lesse-egungun, lesse-Ifá ou Lesse-Eledá. Pertencia a todos e não tem distinção.

Outra coisa todos num aldeia são do mesmo santo: Aldeia do Oxoguian é só Oxoguian, ele que resolve tudo não tem o papo que isso é com Yemanjá, aquilo é com Oxun e não sei o que é com Ogun, não sei o que lá e outro santo. O Eledá reina absoluto na sua aldeia tem ter outro santo. Mais aqui fizemos muitas divisões então cadê os Capeteiros e Marmoteiros, que ousaram e fazer isso.

Vemos erros nas outras religiões católica, Evangélicas mais todos preservam esses assuntos no seu interior, pois qualquer ataque a um membro religioso é um ataque a própria religião e suja a religião. Mais o membros do candomblé costumam difamar seus sacerdotes, não vendo que estão difamando o sagrado e com ele cai toda a religião.

Nos mesmo criamos divisões, Umbanda, Candomblé, Catimbó e esoterismo. Mais para os nossos inimigos somos apenas uns DESTETAVEIS MACUMBEIROS.

Ai fazemos passeata pela paz, pelo respeito as religiões quando nós mesmos estamos destruindo por dentro a nossa religião. Ficando irmão contra irmão, irmã contra irmã. Ai vamos promover passeata pela paz, ato publico.

Os irmãos e irmãs que são de Lesse-Orixá e deram uns passos à mais em Ifá, e usam esse conhecimento são atacados por aqueles não sabem. Cada faz como aprendeu. Vemos várias igrejinhas ditas crentes, mais não vemos um atacando o outro.

Inclusive dizem que são a mesma coisa “ QUE CREEM NO SENHOR JESUS E SERÃO SALVOS”. E nós que cremos no sagrado e falamos mal, apontamos erros. ONDE ESTÁ O ERRO?

Num culto que nem a África existe conforme fazemos aqui. O culto que praticamos foi adaptado aqui e se formou Batuque, Candomblé e Xangô. Nem Ifá é como é na África. Nem lesse-Egun. Então como podemos falar em Capeteiros e Marmoteiros.

Veja mais assuntos...